Nina/Carol (RJ) e Cadu/Anthony (MS) ficam com o título da segunda etapa

Publicado em: 10 DE JULHO

Nina/Carol (RJ) e Cadu/Anthony (MS) ficam com o título da segunda etapa
Pódio completo da segunda etapa (Créditos: Divulgação)

As duplas Nina/Carol (RJ) e Cadu/Anthony (MS) conquistaram no final da manhã deste sábado (10.07) o título da segunda etapa do Circuito Brasileiro sub-19 de vôlei de praia 20/21. O evento acontece na Escola de Educação Física do Exército (EsEFEx), no Rio de Janeiro (RJ). A temporada continua já neste domingo (11.07), com o qualifying da terceira etapa, no mesmo local.

Na decisão feminina Nina e Carol (RJ) superaram Helena/Lari (SC) por 2 sets a 0 (21/7 e 21/10). A dupla do Rio de Janeiro saiu do qualifying e chegou ao título com uma campanha de sete vitórias em sete jogos, sem perder nenhum set. O bronze foi para Gi Claudino e Clara, da Paraíba, que passou por Manu/Ana Júlia (MG) por 2 sets a 0 921/14 e 21/19).

Entre os rapazes Cadu e Anthony (MS), que foram campeões na primeira etapa, venceram Flávio e Jean (CE) por 2 sets a 0 (23/21 e 21/14). Eles fizeram uma campanha invicta com cinco vitórias consecutivas. O terceiro lugar ficou com Negugu/Lucas (RJ) que superou Denílson/Henrique (PE) por 2 sets a 0 (21/18 e 21/14).

Assim como ocorre no Circuito Brasileiro de vôlei de praia Sub-17 e Sub-21, o Sub-19 é um campeonato de seleções estaduais, com duplas representando a mesma federação. Cada estado indica suas delegações nos dois gêneros em busca do título, podendo alterar os times durante a temporada. Se mais de uma dupla do estado disputa a etapa, aquela que fica mais bem colocada é a que pontua para o ranking geral da competição.

Com os resultados desta etapa no naipe feminino, o Rio de Janeiro lidera o ranking com 380 pontos. O Ceará tem 320, e está em segundo. Santa Catarina e Minas Gerais, com 300 pontos cada, empatam na terceira posição. No masculino, Mato Grosso do Sul tem 400 pontos e lidera, seguido de Paraíba, com 300, e Rio de Janeiro com 280.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Banco do Brasil

PATROCINADOR OFICIAL

Parceiros Oficiais